CROMOCINÉTICA – Organograma e Coletivo 24h | 15 de maio às 20hrs no MIS

Pancadão, psicodelia e concretismo convergem unindo o Organograma e o Coletivo 24h nesta performance. Nela, a tradução de sentidos acontece entre diferentes linguagens, gerando novos olhares a partir de sobreposições dos vídeos dos coletivos produzidos especialmente para esta performance. Nos pequenos filmes, o espectador poderá  identificar e reconhecer diversos aspectos do cotidiano da cidade de São Paulo misturados à fragmentação do som dos vídeos, criados em tempo real. Nas músicas o público poderá notar a forte influência do minimalismo de Steve Reich e Philip Glass, do Breakcore, pancadão, Eletrofunk e Acid House.

A técnica utilizada na construção desta performance é a união de dois ambientes de programação de áudio e vídeo: o tracker, Jeskola Buzz e o versátil Pure Data, voltado para desenvolvimento de aplicativos interativos em áudio, vídeo e gráficos.

Com o Pure Data, o grupo construiu um software capaz de traduzir informação sonora em objetos geométricos sobrepostos a vídeos manipulados em tempo real. O resultado é um panorama de imagens construídas em uma relação sinestésica com o som, produzido também em tempo real a partir de colagens sonoras, ambientes sintéticos e batidas maliciosas.

O Organograma é conduzido pelo músico tectônico Fernando Bizarri que sampleia diferentes linguagens na sua produção musical. O Coletivo 24h, formado pelos arquitetos Amer Moussa e Ariane Stolfi, produz vídeos, colagens e intervenções urbanas modulares.

One Response to “CROMOCINÉTICA – Organograma e Coletivo 24h | 15 de maio às 20hrs no MIS”