Gustavo Brandão e Danilo Morais – Shawarma

a proposta é fazer releituras de clássicos que caíram em domínio público. Para esta apresentação escolhemos um clássico do expressionismo alemão “m – o vampiro de dusseldorf” de fritz lang.
em uma definição grosseira, poderíamos dizer que o cinema é a junção de fotogramas que
captam ambiente, objetos, atores e situações através de sombras e luzes, dispostos em uma
determinada ordem, apresentadas com musica, diálogos e ruídos exclusivamente para invocar
emoções, pensamentos e reações.

shawarmaA proposta do coletivo é fazer releituras de clássicos que caíram em domínio público. Para esta apresentação escolheram um clássico do expressionismo alemão “m – o vampiro de dusseldorf” de fritz lang.

Em uma definição grosseira, poderíamos dizer que o cinema é a junção de fotogramas que captam ambiente, objetos, atores e situações através de sombras e luzes, dispostos em uma determinada ordem, apresentadas com musica, diálogos e ruídos exclusivamente para invocar emoções, pensamentos e reações. O Shawarma pretende fazer isto ao vivo utilizando uma materia prima que, a primeira vista, poderia ser considerada imutável.

10 Responses to “Gustavo Brandão e Danilo Morais – Shawarma”

Leave a Reply